Polícia não consegue se decidir e justiça suspende ordem de prisão dada a gêmeos
26/07/2016 - 15h37 em Bizarrices

 

A justiça da Alemã suspendeu a ordem de prisão dada a qualquer um dos gêmeos detidos pela polícia por roubo porque simplesmente a própria polícia não sabe quem é o culpado.

A ordem de detenção foi dada para os irmãos Hassan e Abbas, de 27 anos, pelo temos quase certeza roubo milionário a uma loja de departamentos KaDeWe em Rotenburg, no norte da Alemanha. Segundo a investigação sabe-se, com toda convicção, que as amostras de DNA recolhidas pertence a um dos irmãos. Mas ninguém consegue identificar qual dos gênios gêmeos pois os dois compartilham o mesmo material genético.

 

Método #198: "Quem cometeu um crime põe um dedo aqui, que já vai fechar, fdp."

 

O crime aconteceu em um domingo, onde a loja de departamentos estava fechada. Três, sim, três, ladrões mascarados usando uma escada para chegar no primeiro piso, invadiram a loja forçando uma janela para entrar. No térreo, chegaram joalheria Christ onde levaram relógios caríssimos e joias, causando prejuízo em milhões de euros. 

O sistema de alarme sonoro não tocou (até ele ficou confuso). Mas a ação foi gravada pelas câmeras de vigilância do local. A polícia chegou aos trigêmeos, através da colaboração da população, incentivada pela própria joalheria, que ofereceu 10% do valor das joias recuperadas ou uma gratificação máxima de 100 mil euros. Foi ai que um pacato cidadão, caguetou sem dó, como se não houvesse amanhã e, pela pista dada, a polícia chegou na dupla.

Chegar na dupla, ok. Identificar o gêmeo criminoso, nem tão ok assim. A procuradoria não quis mais falar sobre o assunto. SAI DAK :(

Curtiu? Então larga mão de ser preguiçoso e compartilha com a galera!
Se achar melhor, volte para o início do site e se liga nas WP News.
Por Bia WP.

COMENTÁRIOS